sábado, 5 de fevereiro de 2011

Watcher




•  M O R T E E H U M A N O S  •

Ela é mórbida, insegura. Perdeu a sua piedade há muito tempo.
Ela é sorrateira, e conhece teus segredos mais profundos. Teus pesadelos profanos, que te fazem acordar toda a noite.

Como?

Ela simplesmente sabe.
Tem um imenso poder pois, com um simples beijo doce ela pode cortar a sua vida como se fosse uma navalha.
Um tanto quanto cruel, mas nunca injusta.
Ela é imprevisível, os humanos não.

•  S E R E S H U M A N O S S Ã O F R Á G E I S  •

Ainda não perceberam que a sua paixão, a maior fraqueza também pode ser a maior vantagem.
Eles se ferem tanto por causa dos seus laços...
Os afetam de uma maneira extremamente intensa.

Gostaria de saber como é ser preso por eles.

Ser machucado pelas várias passagens da morte por sua vida.
Sentir a dor, mas também regozijar-se do fato de ser necessário para alguém.

um pequeno fato:

•  O S  H U M A N O S  S Ã O  F E L I Z E S  •

São, sim.

Por mais que alguns neguem, eles podem sentir a textura macia da pele de alguém.
Sentir o vento beijando os cabelos, trazendo o cheiro da maresia.
Podem sentir gosto do doce mel dos lábios da tão falada "alma gêmea".

Não que eu acredite nessa futilidade.


reação ao fato supracitado:

Eles não aproveitam o pouco tempo que lhes resta

Mas, quem sou eu pra discutir?


•  S O U A P E N A S U M A  O B S E R V A D O R A  •

Uma boa observadora.
Aquela que observa cada passo, cada piscada de olho, cada olhar malicioso.
Cada meio-sorriso.
E continuo dizendo:

Os humanos são realmente interessantes.


Um comentário:

Idiótica. disse...

''Os humanos são realmente interessantes.''
Depois de um texto lindo e interessantíssimo, você ainda conseguiu me surpreender com o final. Que perfeição em forma de texto, adorei. Meus parabéns.